A

  • O ácido hialurônico é uma substância que todos nós temos naturalmente em nosso organismo. Como com o tempo sua produção cai, cosméticos e procedimentos estéticos usam a molécula como mecanismos para atrair a água e manter a pele mais hidratada.

  • Presente em muitos cosméticos (principalmente da categoria anti-idade), os ativos antioxidantes possuem a capacidade de lutar contra a ação dos radicais livres, moléculas que oxidam as células e causam danos à pele, como envelhecimento precoce.

  • É um produto de skincare corporal específico para evitar e atenuar o aspecto de celulite. Pode ser aplicado com uma massagem manual ou com ajuda de um massageador, para melhores resultados.

  • Normalmente em creme (mas também disponível em outras texturas), é um produto que une ativos e tecnologia específicos para dar um empurrãozinho na formação dos cachos. Pode ser usado nos fios úmidos (e deixar secar ao ar livre ou com difusor) ou a qualquer hora do dia para recuperar ondinhas que perderam a forma.

  • A água micelar compõe a rotina de limpeza facial, como uma opção mais leve (e ideal para peles sensíveis) que o demaquilante comum. A fórmula, aquosa, possui micelas - moléculas que “agarram” a sujeira quando o produto é aplicado com algodão, evitando a necessidade do uso de substâncias mais pesadas para limpeza facial.

B

  • É o nome dado àquela textura cremosinha de acabamento translúcido (ou bálsamo, na tradução literal). Normalmente é aplicado ao termo “lip Balm” ou “bálsamo labial”, que pode ser transparente ou ter leve cor, mas também pode ser associado a textura de uma sombra ou blush de efeito sutil.

  • Em português chamamos de bálsamo labial. É aquele batom/protetor de textura cremosinha e suave que dá leve cor aos lábios. Ideal para criar um efeito de boca saudável no dia a dia.

  • Do inglês Beauty Balm ou Blemish Balm), é um produto multifuncional com acabamento (leve) de base. É a opção ideal para quem busca praticidade no dia a dia, já que, o mesmo produto oferece efeito de make e tratamento (disfarça linhas de expressão, poros dilatados, possui FPS, ativos anti-idade e hidratantes) simultaneamente.

  • Um dos itens de make must-have – costuma ser usado para dar cor às maçãs do rosto ou para criar o famoso contorno facial. Pode ser em creme, pó, bastão ou até em versões líquidas.

  • Assim como a versão para o rosto, o BB cream capilar é um produto multifuncional. Nessa caso, para o cabelo. Com textura mais fluida que a de um leave-in, controla o frizz, dá brilho aos fios, hidrata, prolonga a cor e protege contra os raios solares e possíveis agressões das ferramentas térmicas como secador e chapinha.

  • Body Lotion é o nome em inglês da nossa loção corporal hidratante. Sua textura costuma ser mais fluida que a do creme hidratante – o que facilita o poder de absorção.

  • É o famoso pó bronzeador. Tem a mesma composição do blush (normalmente em pó).

C

  • Assim como o shampoo à seco, o condicionador não necessita de água para condicionar os fios. Normalmente em spray, ajuda a controlar o frizz, dá brilho instantâneo e mantém os fios alinhadinhos por mais tempo.

  • A técnica de make ganhou fama principalmente pelas selfies e makes impecáveis exibidas pelas irmãs Kardashians . Ideal para definir os contornos do rosto, é feita com o jogo de luz (iluminador) e sombra (blush bronzant).

  • Pode ser o nome do produto (condicionador que também pode limpar/higinenizar o fio) ou o nome da técnica, em que se usa outros tipos de produto sem ser o shampoo para a limpeza dos fios.

  • Assim como o BB Cream, o CC Cream (do inglês Color Correcting Cream), oferece como benefício principal “correção do tom”. Seria um benefício extra em relação ao BB Cream. As fórmulas desses produtos amenizam neutralizam diferenças de tom como manchas ou pontos de vermelhidão.

D

  • A deo-colônia possui características semelhantes à água-de-colônia: costuma compor aromas suaves e fresquinhos. A concentração de óleos, porém, pode chegar até 10%.

E

  • A concentração de essência varia de 15% a 25% . A alta dose de óleos revela aromas mais encorpados e intensos. É, ainda, uma das versões com maior durabilidade. Ótima pedido para eventos noturnos!

  • A Eau de Toilette é um tipo de fragrância mais suave que a Eau de Parfum, mas mais marcante que a água-de-colônia. Normalmente compõe opções perfeitas para o dia a dia.

  • Também conhecida como essence, é um item super conhecido na rotina de beleza asiática. É caracterizado pela textura líquida, bem leve, e serve como uma ponte entre a limpeza e o tratamento anti-idade. A essence pode só conter hidratantes ou já trazer ativos anti-idade, potencializando a ação do sérum, creme ou loção antissinais.

F

  • É a sigla para Fator de Proteção Solar e revela o nível de proteção que um produto (uma maquiagem, um creme ou um protetor solar propriamente dito) oferece contra os raios ultravioletas (UV).

L

  • É um tipo de shampoo com quantidade reduzida de sulfatos, parabenos e/ou petrolatos, usados na composição da maioria dos shampoos comuns como agentes de limpeza do fio. Há quem prefira essa versão por utilizar menos ativos químicos na composição.

  • O leave-in é o nome dado ao finalizador mais democrático ou multibenefícios da categoria de cabelos. É o que também chamamos de “creme para pentear”, mas que caiu em desuso já que hoje em dia esses cremes/séruns/loções fazem muito mais do que pentear. Existem leave-ins com proteção térmica, ativador de cachos, antifrizz, com FPS, modelador, etc. Um verdadeiro coringa!

M

  • Em spray, gel ou pomada, é o item queridinho de que não abre mão de um babyliss! Isso porque é um produto que dá uma força extra na formação das ondas e cachos. Além de ajudar a “modelar”, esse tipo de produto mantém a forma criada nos fios por mais tempo.

  • Em alguns rótulos a palavra aparece como Matte. É o nome dado ao acabamento sequinho e opaco que ficou famoso pelos batons. Mas também faz referência à sombras, bases e pós. Nos produtos de pele, é ideal para quem tem oleosidade excessiva.

N

  • Diferente do Low Poo, o No Poo é o nome utilizado para o shampoo (ou para a técnica de limpeza) em que não se usa shampoo e seus ativos químicos durante a lavagem dos fios. No lugar, pode ser usado um co-wash, um espécie de condicionador que também tem a capacidade de higienizar o cabelo.

O

  • Normalmente são óleos que podem ser usados tanto no rosto quanto no corpo (e até no cabelo), mas que certamente oferecem diversos benefícios: desenvolvido especialmente para restaurar a estrutura da pele, equilibrando a sua textura, melhorando visivelmente a aparência de cicatrizes, estrias e tons de pele desiguais.

P

  • Finalizador com ativos específicos que ajudam a proteger os fios da ação de ferramentas térmicas, como secador, chapinha, babyliss. Um verdadeiro herói para evitar ressecamento excessivo, quebra e perda de brilho.

  • Assim como o primer de maquiagem, o primer capilar tem a função de preparar o cabelo para a finalização. Ou seja: deve ser o primeiro item da sua rotina de cuidados com os fios. As composições variam de acordo com as marcas, mas normalmente um primer capilar oferece: proteção térmica, hidratação, selagem das cutículas e aumenta a durabilidade dos penteados/finalizações.

  • Assim como o spray, é um finalizador em pó muito usado na raiz dos cabelos para “levantar” e evitar que os fios fiquem muito coladinhos à cabeça. Porém, pode ser usado no restante do cabelo para dar textura e mais corpo ao visual.

  • É um item de finalização muito usado nos bastidores de desfiles e fotos profissionais. Ajuda a modelar e dar textura aos fios sem pesar.

  • Disponível em diferentes texturas (sérum, loção, balm e até óleo), o Primer é um item essencial no preparo da pele para a maquiagem. Ele ajuda a suavizar e fixar produtos aplicados em seguida, como base, pó, blush ... atualmente existem versões para todos os gostos - com ou sem fps, iluminadora ou de efeito mate.

S

  • Sem dúvidas, é o item queridinho da rotina de cuidados com a pele da brasileira. Principalmente por ter uma textura leve, mas mesmo assim carregar ativos potentes de ação anti-idade. Pode ser usado sozinho ou em conjunto com algum creme facial mais denso. Nesse caso, o sérum, que possui uma camada mais fina, deve vir antes.

  • Como o próprio nome diz, é um shampoo que dispensa a necessidade de água para fazer a higienização do fio. Prático, é perfeito para perfumar e controlar a oleosidade da raiz.

  • É o termo em inglês para gel de banho, também conhecido como bodywash. Essa versão de sabonete líquido costuma ter formulação mais suave que sabonetes comuns – e para lá de cheirosas.

  • Sabe aquele efeito lindo de cabelo recém-saído da praia? Ondas soltas e despretensiosas compõem o look, que é criado com este produto, chamado de salt mist, salt spray ou ainda beach spray. Sua fórmula contém ativos que dão textura ao cabelo, semelhante ao efeito de água do mar.

  • Também conhecida como água-de-colônia, é o tipo de fragrância queridinho das brasileiras (principalmente para dias mais quentes). Esta é versão com a menor concentração de óleos essenciais (comparando com EDT e EDP). Seu aroma costuma ser bem fresco, com notas cítricas, de flores e frutas.

T

  • O tônico facial serve para complementar (e finalizar) a limpeza da pele. Como o próprio nome diz, tem a ação de tonificar o rosto – deixando a pele fresca, equilibrada e mais resistente.

  • Ainda pouco conhecido, o tônico capilar serve para promover uma limpeza mais efetiva no couro cabeludo e para potencializar a nutrição local. Com isso, os fios se tornam mais fortes e saudáveis desde a raiz. Dica: aplique esse tipo de produto fazendo uma massagem suave, para potencializar sua absorção e ação.